Gota

A gota é causada pelo excesso de ácido úrico no sangue. Ao atingir determinada concentração, há um acúmulo de cristais de ácido úrico em uma articulação.

Pode atingir qualquer articulação, porém é muito frequente no tornozelo e ao redor do hálux (dedão).

A crise é caracterizada por dor forte, inchaço e vermelhidão. Quando o ácido úrico se torna elevado por muito tempo, pode haver um acúmulo nestas regiões, causando uma tumoração  chamada de tofo gotoso.

O tratamento inicial é baseado em gelo, anti-inflamatórios e repouso. Deve-se dosar o ácido úrico no sangue e se estiver elevado tratar com medicamentos como alopurinol.

Quadro inflamatório agudo: sugestivo de gota ou celulite

Quadro inflamatório agudo: sugestivo de gota ou celulite

Infecção: celulite e erisipela

São infecções bacterianas do tecido subcutâneo (a gordura abaixo da pele).

A celulite tem um quadro doloroso, associado e vermelhidão e inchaço. A erisipela é mais grave, com aparecimento de bolhas e sinais de infecção mais exuberantes.

O diagnóstico é clínico e o tratamento é baseado em antibióticos.

Trombose Venosa Profunda

É a formação de um trombo (coágulo) dentro de uma veia profunda da perna. Pode ocorrer por predisposição genética, doenças como tumores, após traumas e após cirurgias que necessitem de imobilização prolongada.

O quadro é de dor e inchaço na panturrilha. Pode ser complicado com sintomas pulmonares quando um coágulo se desprende e vai até o pulmão. Este quadro é chamado de embolia pulmonar, e pode inclusive levar a óbito.

Sendo assim, é muito importante prevenir a trombose, seja com medidas físicas (mobilização precoce, meia elástica) ou com medicações.

O diagnóstico é feito pelo ultra-som doppler e o tratamento é realizado com o cirurgião vascular ou angiologista.