dois-caminhos

Crenças e Crendices

“Muitas vezes nossas costas doem porque durante a nossa vida não aprendemos o que é bom e o que é ruim para a coluna” ( Dr.Luiz Carlos Lenzi).

Dr Luiz Carlos Lenzi – Ortopedista geral, cirurgia de mão, cotovelo, tornozelo e pé.

Existem várias situações que levam a ‘crendices’ sobre o organismo humano, e que não explicam a verdadeira função dos orgãos. Essas confusões são muito frequentes na área ortopédica.
A dormência nas mãos, por exemplo, é muito confundida com problemas no coração, mas na verdade geralmente ocorre pela compressão de um ou mais nervos em determinado local. Os nervos servem para fazer os tendões e músculos funcionarem e para permitirem a sensibilidade que nos faz perceber os objetos.

Da mesma forma, um tendão comprimido pode fazer um  movimento se tornar doloroso. Os  tendões são prolongamentos dos músculos, servem para movimentar cabeça, tronco e membros. Um tendão rompido na mão, por exemplo, pode impedir o movimento de um dedo ou parte dele.

Os movimentos dolorosos de um articulação geralmente são causados pelo seu desgaste, ou melhor, o desgaste da cartilagem, que é uma película que cobre ossos no ponto em que eles fazem contato. A isso se dá o nome de osteoartrose. Já a osteoporose, confundida com ela pela semelhança do nome, é um enfraquecimento da estrutura do osso, que geralmente não causa dor, mas causa enfraquecimento ósseo, que pode favorecer as fraturas.

As dores nos ombros são logo diagnosticdas como bursites, mas podem ser lesões nos tendões, de tratamento altamente eficaz. Dores no cotovelo podem ocorrer por esforço repetitivo ou excessivo, e seu tratamento, com medicações ou com cirurgia, tem ótimo prognóstico. Também as dores nos joelhos com episodios de “deslocamento” ou de “trancamento” podem ser tratadas com videoartroscopia, com retorno rápida à vida normal.

Também é bom saber diferenciar luxação de contusão. A contusão geralmente é leve e sem consequências. A luxação é quando uma articulação sai do lugar -  é muito dolorosa e exige interferência médica.

Outra crendice é a de que a cirurgia de joanete é extramamente dolorosa e a recuperação é prolongada por vários meses. Na verdade, em certas situações, em alguns dias a pessoa volta a andar, e em outros, no máximo em três semanas. A dor é controlada.

Em relação às cirurgias de prótese, as de quadril e joelhos possuem ótimos resultados. As de ombro também são bem aceitas.

E as dores nas costas? Felizmente, na grande maioria de vezes as dores existem em colunas normais. Dói porque nós não aprendemos durante nossa vida o que é bom e o que é ruim para a coluna, o que fazemos de prejudicial e o que não fazemos de benéfico.

Vale a pena conversar um pouco mais com seu médico para tirar dúvidas e diferenciar o que é verdade e o que é ‘crendice’ em ortopedia.

(Dr. Luiz Carlos Lenzi)

Author Info

Blumenau

No Comments

Post a Comment